Warehouse, in building…

Previously FábioValinhos’ warehouse:

  • Quinta feira, dia 15/07, meu amigo fala que precisa de uma maquete 3D de um barracão industrial. Pergunta se eu sou capaz de fazer um no Blender. Minha resposta foi “Yes, nós temos bananas!!!”. Lógico, mas que pergunta…
  • No final de semana a seguir eu mando bala na modelagem, pois estava com o projeto no Autocad. Inicio mesmo não sabendo se o acordo de fazer a maquete  para o cliente iria ser fechado ou não. Modelagem tranquila pois o desenho no Autocad está bom.
  • Durante semana vou finalizando a parte de modelagem.
  • Nesta quinta-feira que passou,22/07/2010,  meu amigo entra em acordo com o cliente. O martelo é batido e começa a contagem de 10 úteis para a entrega da maquete.

Fim do previously.

Estou bem avançado no barracão.

Hoje a situação é essa.

Uma prévia para vocês com um pouco de renderização. Não é o trabalho definitivo, pois ainda estou batendo bola com a iluminação, cores, texturas, etc.

Está ficando legal.

Já gerei a grama ao redor do barracão, mas não aperecem nestas fotos.

Como é mostrado na figura, a idéia é um piso de asfalto ao redor do warehouse, e depois dele gerar planos para a grama.

Utilizei o setor de partículas do Blender para confeccionar o grass. Lógico que peguei um tutorial do Andrew Price para conseguir fazer isso.

Andrew é bruto, não é a toa que o blog dele chama-se Blender Guru. Só tutoriais ninjas.

Esta é a primeira vez que estou utilizando/trabalhando com partículas do Blender, no caso da grama, estou utilizando a parte de “hair”. O nome já diz tudo, ele gera pêlos no seu objeto.

O desenho ficou pesado ao gerar a grama. No tutorial do Andrew, que ele sempre faz em vídeos, tenho a certeza que ele tem no mínimo um quad-core como máquina, pois durante o seu tuto, seu desenho roda macio na tela.

uhh, parece piada, mas a vontade de escrever mais é grande.

Pior que são assuntos que irão bifurcar o tema principal deste post. São interligados, mas ocorreram os desvios.

Melhor parar por aqui e pegar um café.

Próximo post, o homem que fez o link entre eu e o cliente. O homem que dá a cara para bater ao fechar um acordo. Mesmo que o cliente seja o Steven Seagal, sua cara tem que estar ali, pronta para receber umas bolachas.

Ele tem que entrar para vencer nas negociações, para o meu benefício, e o dele.

Um perfeito homem bomba da Al-Qaeda.

cl for seven, baby.

73 55

Anúncios

4 comentários sobre “Warehouse, in building…

    1. valeu.

      fazendo algumas visualizacoes mentais em termos de tempo, é meio rapido sim.

      Parece a piada, mas a parte de renderizacao demora mesmo.
      Prática e leitura, apenas isso para ficar mais rápido.

      ahh, na prática, já terminei, mas o homem que dá a cara para bater sumiu…é mole???

      73 55

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s