Pizza com Azeite Valinhos – Render Cycles

Click para ampliar e degustar

Há um pouco mais de um mês eu cancelei minha conta no Facebook. Os motivos para eu abandonar o barco dá para contar nos meus dedos, mas isto no momento não está no escopo deste post.

Posso voltar para lá algum dia? Lógico, sou dinâmico, mas eu acho bem difícil.

Enfim, no período em que eu frequentava o Face, postava os meus trabalhos do For Seven para o pessoal ver e do nada uma amiga comentou “por que você não faz uma pizza?” (acho que na hora ela estava com fome).

Challenge accepted.

Modelar a mesa, tábua da pizza, pratos e talheres foram tranquilos.

Os tomates foram um pouco mais trabalhosos, sendo que eu fiz dois modelos; um com a poupa e as sementes e outro sem estes ítens.

Tanto este tomate mais rústico, como um conjunto de modelos de  rúculas, receberam o Modifier Simple Deform, no módulo Twist. Em alguns casos eu também utilizava, aumentando ainda mais a deformação, o Warp.

Modelar a massa foi tranquila, mas o que me deu a maior dor de cabeça foi o queijo derretido.

Utilizei o sistemas de fluídos para fazer o queijo em repouso na massa, mas para gerar o queijo derretido foi um parto. Ele não escorria da maneira que eu desejava, mesmo mudando sua viscosidade para valores próximo ao mel (honey).

O que eu fiz; modelei um recipiente cheio de furos e fiz o liquído passar por ele. O que era gerado ao passar por estes furos transferi para a fatia da pizza. Está aí os meus “fios” de queijo derretido.

Tosco, mas foi a saída que encontrei. Lembro-me que a minha primeira tentativa lógica foi gerar o queijo e fazer a fatia da pizza levantando-se durante o correr do frames.

Na minha cabeça veio “legal, o queijo vai escorrer e ficar bonito…”. Esquece, foi um tiro n’água.

Daí este queijo virou uma saga.

Outro fato nesta modelagem foi o Cycles em ação.

Making of da pizza. Click para ampliar

Já que este será, definitivamente, o futuro  Render Engine do Blender, já tenho que ir quebrando a cabeça em usá-lo, e SIM, enfrentei algumas dúvidas durante o processo, mas no final deu tudo certo.

Se eu não estiver enganado este é o meu terceiro trabalho com o Cycles, e novamente não utilizei o Compositing.

A foto do fundo é da minha cozinha, a pia estava meio bagunçada, mas pelo menos a louça estava lavada.

O Azeite Valinhos, que aparece na foto, vocês encontram nos melhores supermercados.

73 55

Anúncios

8 comentários sobre “Pizza com Azeite Valinhos – Render Cycles

  1. Ficow muito bom, muito bom msm! Quando abre a foto grande, vc repara q no pedaço a massa fica meio artificial, mais tirando isso, ficow show!

    1. valeu sidoti.

      concordo com vc, tem alguns pontos que soa fake. O queijo para mim foi um problema pois eu queria jogar texturas extras de alguns amarelos mais fortes.

      como vc disse, a massa cortada eu tentei fazer algo soando mais “cru” do que a parte externa tostada. mas nao consegui soar da maneira que eu queria.
      ficará para próxima.

      quando vc for no supermercado nao deixa de comprar o Azeite Valinhos.

      73 55

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s